Quem recusará "snifar" o seu pai?

Keith Richards: as filhas podem snifar as suas cinzas PÚBLICO 11/09/2015 - 10:55 O músico dos Rolling Stones diz que elas podem fazer o mesmo que fez com o pai. Keith Richards com a mulher Patti Hansen esta semana em Londres REUTERS 0 TÓPICOS Música Rolling Stones Keith Richards não resistiu novamente ao humor negro, desta vez numa conversa com o jornal britânico Daily Mirror: as filhas podem snifá-lo depois de morto. O guitarrista dos Rolling Stones está a promover o seu próximo álbum a solo (o terceiro), Crosseyed Heart, que sairá a 18 de Setembro, juntamente com um documentário da Netflix intitulado Under the Influence, e lembrou a polémica de 2007 em que disse que tinha cheirado as cinzas do pai. Cinco anos após a morte do pai, Bert, contou que tinha misturado as suas cinzas com cocaína e inalado. "A coisa mais estranha que já tentei cheirar? O meu pai", disse Richards. "Eu snifei o meu pai. Ele foi cremado e não resisti a pulverizá-lo com uma snifadela", disse na época ao jornalista musical Mark Beaumont da revista NME, acrescentando que o pai não se teria importado. Depois da história ter corrido mundo, disse que era apenas uma brincadeira para ilustrar a proximidade com o pai. Mais tarde, em 2010, esclareceu que tinha espalhado a maioria das cinzas à volta de um carvalho. Agora, voltou à história. "Eu dou-lhes uma palhinha", referindo-se aos canudos para inalar o pó que deixaria às filhas e que as autorizava a cheirá-lo. O músico, que tem quatro filhas e um filho (não é claro poque é que ele não foi incluído nesta forma original de luto...), tem uma longa história de adicção com drogas duras, que abandonou em 2006 depois de um problema de saúde.

Comentários

Mensagens populares