nunca mais

1.

só diz nunca mais
quem não sabe de quantas mudanças
são feitos os dias de cada um

minha mãe perguntava para onde vais
tu que não tens jeito para danças
só podes ir a lugar nenhum

sabendo que eu acabava por partir
para onde ninguém me esperava
pelas ruas nuas e em estações vazias

para onde o frio que estava por vir
vinha zangado e em cada rajada gritava
a terrível solidão das noites mais frias

só diz nunca mais
quem não sabe adivinhar o choro no fado
que nos diz que tudo será como deus quer

minha mãe chorava sem ter ido a qualquer cais
separar-se do filho que voltara já enterrado
na pressa de não fazer viúva a que seria sua mulher

2.

nunca mais a escuridão nos dias claros
nunca mais antes a morte que tal sorte
de assobiar para espantar o medo

podemos dizer agora nunca mais porque agora é cedo
porque sabemos que a morte qual vida eterna? é mesmo morte
e já morreram os abraços dos amigos cada vez mais raros

Comentários

Mensagens populares